Notícias

Apresentação da candidatura de Manuel Garcez Trindade à Câmara Municipal de Resende

Foi com uma moldura extraordinária que o PS apresentou a sua candidatura à câmara de Resende. Intervenções de Jorge Caetano, presidente da concelhia, António Borges, presidente da Federação Distrital, Ana Catarina Mendes, que falou em nome do Secretário-Geral do PS, e o candidato Garcez Trindade, que apresentou algumas das suas propostas e deixou a demonstração do trabalho feito.

Estiveram presentes em torno de Garcez Trindade vários dirigentes distritais tanto do PS como da JS, nomeadamente, Lúcia Silva, deputada e presidente das mulheres socialistas, o deputado José Rui Cruz, Luís Soares, Presidente da Federação de Viseu da JS e Vítor Simão, Presidente da comissão política da federação de Viseu da JS bem como muitos outros militantes que decidiram dar de forma inequívoca o seu apoio à candidatura do PS em Resende. Ao intervir em Resende na apresentação da recandidatura de Garcês Trindade à presidência da Câmara, Ana Catarina Mendes, Secretária Geral Adjunta do PS, criticou as decisões tomadas pelo anterior Governo.

“Se não fosse a Câmara Municipal, as urgências do centro de saúde tinham encerrado por culpa do PSD e do CDS”, disse. Na sua opinião, o empobrecimento e o isolamento foram outras marcas deixadas pelo Governo do PSD/CDS-PP. “Foi encerrado o tribunal aqui em Resende, que só com o PS foi reaberto”, lembrou, considerando que estes são exemplos “muito concretos” da diferença entre uma gestão socialista e uma gestão da direita. Segundo Ana Catarina Mendes, para os socialistas “o que interessa é, todos os dias, o bem-estar das pessoas, desenvolver cada um dos concelhos, sejam eles do litoral ou do interior ou do interior do interior”.

Está em... Home Notícias Apresentação da candidatura de Manuel Garcez Trindade à Câmara Municipal de Resende